Um casal de missionários americanos voltava para casa após 50 anos servindo a Deus na África. Durante a viagem de volta no navio, eles vieram imaginando como seriam recebidos e que tipos de honra receberiam de seus familiares e amigos, já que dedicaram praticamente a vida toda a serviço do Reino de Deus. Quando o navio se aproximava do porto, eles viram muitas bandeiras, banda, fanfarra e uma festa preparada. Então pensaram: “Maravilha! Eles estão prontos para nos receber de volta! Que alegria!”

Porém, quando eles saíram do navio depois de um bom tempo, já que estavam viajando na terceira classe, viram os papéis coloridos espalhados pelo chão e não havia mais a banda e as pessoas. Diante de todo aquele silêncio, comentaram: “A festa deve ter sido por causa daqueles homens de terno no navio,… vamos embora!” Então foram pra casa, cansados e frustrados, pois não havia ninguém para esperá-los, nenhuma recompensa sequer, e então o marido ficou muito revoltado e saiu batendo a porta dizendo à sua esposa: “Eu vou dar uma volta, pergunta aí pro seu Deus se é isso que Ele tem pra nos dar depois de 50 anos de ministério!”.

Aquele homem andou,… andou…, andou…… E ao voltar, encontrou a esposa mexendo em alguma coisa na pia da cozinha. Ele entrou e perguntou à mulher em tom de deboche: “E então? Falou com o seu Deus se é isso que Ele tem para nos dar, depois de renunciarmos 50 anos da nossa vida dedicados ao ministério?”

E a mulher sem se virar, simplesmente disse: “Falei sim”. “Ah é? E então, o que foi que Ele disse?” retrucou o homem.

Ela respondeu: “Deus disse que nós ainda não chegamos em casa!”

Quantas vezes já demos o nosso melhor em nosso emprego e nos decepcionamos porque ninguém reconheceu o nosso esforço? Existe algo mais frustrante do que não ser valorizado e reconhecido? Mas quando fazemos algo para Deus, nunca é em vão! Acredite: Ele vê sua luta para vencer o pecado, suas orações e todo o esforço que você faz para servir a Ele. E mesmo que você nunca receba o reconhecimento das pessoas, lembre-se: Você ainda não chegou em casa! É lá na eternidade com o Senhor, que você terá suas lágrimas enxugadas e a maior recompensa de todas: a presença do próprio Deus com você para sempre!

“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis, e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão” (I Coríntios 15.58).